Um gostinho de Nostalgia – 6ª Geração – Gamecube

by

Hoje falarei um pouco sobre um console um pouco esquecido da Nintendo, o Gamecube.

Eram meados do fim de 2002, mercado de games aquecido e uma luta ferrenha entre Microsoft (Xbox) e a Sony(Playstation 2), a nintendo tentou entrar em campo com seu console, com um visual diferente , parecendo bloco, pois media 15 cm de comprimento, 15 cm de largura e 11 cm de altura.

Olha, um bloquinho

Olha, um bloquinho

O Gamecube possui um processador IBM de 485 MHz, uma extensão da arquitetura PowerPC da IBM. Ele tem uma taxa de transferência máxima de 2,6 GB por segundo. O Gekko (codinome do processador) também tem 256KB de memória cache L2, com um chip gráfico de 162 MHz da ATI (Codinome “Flipper”) que permitia o GameCube produza cerca de doze milhões de polígonos por segundo e um processador de áudio digital especial de 16-bit suporta 64 canais de áudio, 40 MB de memória RAM (24 MB 1T-SRAM e 16 MB memória DRAM de 100 MHz), sua mídia era miniDVD, que possuía 1,5gb de armazenamento .

Suas quatro entradas para controle permitiam que os jogadores se divertissem com títulos como Super Smash Brothers.

Os jogadores ainda podiam ligar um modem ao GameCube, o modem se conecta a uma porta serial na parte de baixo do console, permitindo que os usuários se conectem a uma rede em que podem trocar dados e jogar pela Internet, algo como a live fazia.

 

 

Modem 56k e Moden ADSL

Modem 56k e Moden ADSL

 

Em termos de processamento ele ficava a frente do Playstation 2 e atrás do Xbox, porém, mesmo com esse “poder” ele não teve muito sucesso, infelizmente ele não foi muito bem valorizado pelo publico gamer.
Apesar desses empecilhos, a nintendo se esforçou o suficiente para dar bons títulos  como o maravilhoso Mario Sunshine e Metroid Prime, outras empresas também contribuiram como o caso da capcom com um dos melhores Resident Evil’s já feitos, Resident Evil Zero e o maravilhoso remake de Metal Gear Solid, Metal Gear Solid – The Twin Snakes, além de outros belos títulos.

Em minha opinião ele foi sub-valorizado, ele além de seus próprios jogos ainda tinha compatibilidade com seu irmão mais novo, o Game Boy Advanced(GBA) , o GBA se conecta à entrada do joystick e permite a comunicação dos dois sistemas com jogos específicos. Em maio de 2003, a Nintendo lançou um acessório que permite que você jogue games de GameBoy na televisão, através do GameCube.

Adaptador GBA GC

Adaptador GBA GC

Apesar das tentativas de proteção contra pirataria, a nintendo não se deu muito bem, como todos os seus concorrentes, ela também sofreu  com a pirataria, porém, assim como seu rival xbox, quem saiu ganhando foram os gamers, que, com esse desbloqueio permitiu rodar emuladores e mp3 player no bloquinho da nintendo.

Infelizmente não tive o prazer de testar ele na época de lançamento (na verdade, até hoje não consegui colocar minhas mãos em um para testar, se alguém quiser doar um só avisar hehehe), então não posso falar muito sobre a jogabilidade usando o estranho controle criado pela Nintendo, entretanto, pude testar os jogos dele por meio de emulação, tive o prazer de testar Metal Gear Solid: The Twin Snakes e Resident Evil Zero, gráficos lindos além de um som ambiente maravilhoso.

Confira abaixo os videos de alguns clássicos dele:

Resident Evil Zero:

 

Metal Gear Solid : The Twin Snakes:

 

Super Mario Sunshine:

 

Metroid Prime:

 

 

 

 

 

Gostou da coluna? Compartilhe com os amigos, comente ali embaixo e semana que vem teremos outro!

Comments

comments